© Copyright All Rights Reserved 2019

terça-feira, 8 de maio de 2018

Tributo a Zé Pelintra e Maria Navalha:



"Zé, cadê Maria?
Maria, cadê o Zé?
Zé, cadê Maria?
Maria, cadê o Zé?

Maria Navalha com sua pirraça,
Sua valentia firmeza e fé,
Ela dança no Jongo, joga capoeira,
Com sua beleza conquistou o Zé.

Lá no cabaré,
Nunca teve confusão,
Porque Maria,
Botava ordem meu irmão."

Tributo a Zé Pelintra e Maria Navalha. Autoria de Gabriel Maia.