Direitos Autorais

Todas os textos, sejam parciais ou integrais, fotografias e imagens de todas e quaisquer criações incluídas neste blog/site estão sobre a proteção da LEI DO DIREITO AUTORAL Nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998. Portanto, é proibida qualquer reprodução ou divulgação das mesmas com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive WEB, sem prévia consulta e aprovação. Não copie! Entre em contato: priscilacartomante@hotmail.com

sexta-feira, 15 de dezembro de 2017



Não existe nada maior que a fé.

A fé faz você mover montanhas para concretizar um objetivo.
A fé faz você acreditar no amor, acreditar de novo e de novo. Faz você não desacreditar no grande amor que as entidades tem por você. O carinho imenso da espiritualidade, o acolhimento do guia, o aconchego dos que nunca te desamparam.
A fé te trás novos desafios a cada instante, vem uma enxurrada de problemas, frustração, medo por um certo tempo e uma insegurança que faz o peito encher - se de agonia. 
Mas quando tu lembras do Zé Pelintra, da Maria Navalha, Zé Pretinho, do Malandrinho ou que no Cais tem Maria, o problema diminui, a esperança chega, a alegria invade, a tristeza esvai. Como num passar de segundos, estes espíritos lhe recuperam. 
Isso chamamos de fé.
Vencer a si mesmo, renovar - se, acreditar, recomeçar.
Fé. Pura. Simples. Genuína.
Reside fé no coração do afilhado do Zé.
Fortalece Zé Malandro, Camisa Preta, Sete Navalhadas. Ilumina Maria Rosa, encanta Maria Preta, firma tua filha Dona 7 Navalhas.
E amanhã, quando o sol raiar, lembrem - se, vocês são filhos de Umbanda.
E nós nascemos para guerrear. E vencer !
Resiste !



onselectstart='return false'