Seguidores

Seguir por Email

Rádio da Malandragem - Blog Malandros e Malandras;

sexta-feira, 27 de abril de 2012

Comidas da Malandragem ! Parte I - Malandros.


Olá Seguidores do Blog Malandros e Malandras, quero me desculpar pela demora nas postagens, ando como sempre, ocupada e enrolada, trabalhando,estudando, e ainda me dedicando a Religião, em especial a Umbanda.

Mas para compensar venho fazer uma postagem, um pouco diferente, hoje vou falar e compartilhar com vocês um pouquinho sobre as Oferendas da Umbanda, em homenagem a Malandragem.

A primeira parte da postagem, será mais relacionada Aos Malandros e Seu Zé Pelintra.

Já na segunda falarei sobre as Oferendas das Malandras e Malandrinhas.

As Oferendas em Geral, são as mesmas, mesmo assim quero ressaltar alguns pontos incomuns de Ambas.

Então, chega de conversa fiada, e vamos nos deliciar nas Comidas da Malandragem !





Porque fazemos Oferendas as Entidades da Umbanda, chamadas de Malandros ?

Nós fazemos, para agradá-los, de modo a que nos ajudem, essas comidas, serviram como " combustível " das entidades, elas são dotadas de força, mas as comidas são como reforços positivos, é como uma Oração Materializada e Revigorante.

As entidades da Linha de Esquerda, são as mais ligadas a Costra Terrestre, e a nós, seu desencarne é mais recente, sendo assim, ainda estão muito ligadas ao plano material, quanto maior é sua evolução, mais são desprendidas dessas funções e " necessidades", quando o momento de evolução é bem alto, elas não sentem mais necessidades tão expressivas, e as oferendas são cada vez em menor quantidade, visando o agrado, e a consideração que temos com cada entidade.


É de extrema importância, fazermos as Oferendas, nos Locais Apropriados, com Horários Apropriados, acompanhado de pessoas mais experientes no Santo, e fazendo de tudo, um ritual sagrado, e respeitoso aos seres de luz.Cada Oferenda tem um propósito, um objetivo, e nossa devoção e boa intenção é o que realmente importa.



Os Malandros e Malandras não são Exus, por isso recebem oferendas diferentes desses, são Encantados, e gostam de Comidas que há nos Botequins .

Mas Priscila, e a Matança? E  o sacrifício ? E os Bichinhos ?

Não quero desrespeitar a crença de ninguém aqui, sendo assim, esse assunto é muito extenso, e vou deixar para outra oportunidade, vou me ater apenas a Malandragem .


Malandros e Malandras NÃO recebem Oferendas, como Cabras, bodes, Galinhas, e nenhum outro bicho, eles não gostam desse tipo de oferenda
.


Espíritos não necessitam de sangue para se sentirem fortes, isso é um mito, entidade precisa é de luz, um médium, e uma Boa Casa para trabalhar.

A questão da Comida é completamente diferente de você tirar uma vida de um animal, que é um irmão menor seu, na Lei de Zambi, por uma proposta fundamentada naquilo que os primitivos diziam, apenas pessoas muito atrasadas, pensam desta forma, pois se a entidade incorpora, trabalha em busca de evolução, você sacrificando ou não, você acha que realmente isso faz diferença ?


Dizem as pessoas, que amam a Umbanda, que espíritos trevosos, baixos, e vampirizadores, usam de grandes artimanhas, para conseguirem a morte de um animal, passando - se até nos altos terreiros como Zé Pelintras e afins, acordem pra vida povo de Umbanda, Seu Zé não quer a morte de ninguém.


Eles comem comidas como você e eu, são entidades muito próximas ao ser humano e como já disse, são bem novos, gostam das comidas bem temperadas e bem feitas, com capricho e aprumo.


Comidas da Malandragem - Seu Zé Pelintra


Seu Zé aprecia muitos tipos de comidas, dentre elas , comidas nordestinas, pois é a na Terra dele, que estão suas Comidas Favoritas.


Uma das quais ele muito aprecia, é a Farofa de Linguiça :






Receita de Farofa com Linguiça


Ingredientes


2 xícaras de chá de farinha de mandioca fina torrada



400 g de lingüiça



2 colheres de sopa de azeitona verde picadas



1 cebola grande picada bem pequeno



3 dentes de alho picadinhos



2 colheres de sopa de óleo



2 colheres de sopa de salsa picada
Sal e pimenta do reino moída



Modo de Preparo



Escalde a lingüiça e retire-lhe a pele



Coloque a lingüiça em óleo quente e deixe fritar até dourar levemente



Junte a cebola e o alho e espere dourar



Tempere com sal e pimenta



Depois acrescente farinha e mexa bem



Polvilhe com a salsinha picada



Pronto



Está pronta uma saborozíssema farofa




Seu Zé também Aprecia Linguiça Frita.






Outro Prato Tipico da Malandragem São as Sardinhas Fritas, normalmente são em 7, fritas no Dendê, bem arrumadas num Prato.



As Sardinhas foram incorporadas a Oferendas da Malandragem, a pedido dos Malandros mesmo, por serem muito ligados a Cais, e Porto, e quando encarnados, sempre pediam nos Bares.




Receita da Sardinha do Malandro





Ingredientes



Sardinha limpa e fresca

3 limões (suco)

4 dentes de alho amassado

2 xícaras (chá) de fubá e / ou farinha de trigo

Sal e / ou ajinomoto a gosto

Óleo para fritar

Modo de Preparo

Limpe as sardinhas passando a faca na direção do rabo até a cabeça para tirar as escamas

Corte a cabeça e passe a faca cortando o peixe ao comprido

Retire a espinha do peixe e suas vísceras

Tempere as sardinhas com sal e / ou ajinomoto, alho amassado e o suco de limão

Após 5 minutos mergulhadas, passe no fubá e / ou farinha de trigo

Frite em óleo





Seu Zé como todo bom nordestino, adora uma Carne seca, e uma de suas Comidas é a Abobora Recheada com Carne Seca.



Receita de Abobora com Carne Seca do Seu Zé Pelintra




Ingredientes

1 abóbora média

500 g de carne seca desfiada

1 cebola média picada

1 dente de alho

Sal a gosto

1 lata de creme de leite

2 colheres de azeite

2 colheres e extrato de tomate

10 azeitonas picadas

Modo de Preparo

Abra a abóbora em cima fazendo uma tampa

Com uma colher retire as sementes e jogue fora, retire parte da abobora e reserve (não retirar muito)

Frite no azeite a carne seca dessalgada e desfiada

Acrescente a cebola, as azeitonas e o alho bem socadinho

Frite bem e reserve

Em uma panela cozinhe a abóbora reservada com uma pitada sal a gosto

Depois de cozida faça um puré com a abóbora

Leve ao fogo junto com o creme de leite

Acrescente a carne seca e misture tudo

Recheie a abóbora com esse creme

Tampe com a tampinha de abóbora

Leve ao forno envolvida em papel laminado, em uma assadeira

Asse até a abóbora de fora cozinhar




Seu Malandrinho gosta de tudo isso também, mais ele aprecia bastante Um Queijo Coalho Fritinho

Queijo Coalho do Zé Malandrinho







Já  Seu Zé Pretinho, gosta dessas Receitas, mas também gosta de temperos fortes, e uma comida que traduz bem isso, é o Jiló :








Essa são algumas das receitas que os Malandros gostam, as Malandras também gostam, então o importante é sua Fé e fazer com Carinho.







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

onselectstart='return false'